FOLHA METROPOLITANA Jornal diário de Joinville e Araquari

Quem SomosAnuncieContato /     Publicações Legais

   jornalismo@folhametropolitana.com

Trevo de acesso à Rua Marajó ficará interditado entre os dias 2 e 7 de janeiro para obras da Ottokar Doerffel

A obra de duplicação da Rua Ottokar Doerffel chegou na fase em que é necessário implantar uma caixa de concreto no trevo de acesso à Rua Marajó. É por essa caixa que passarão as redes de energia elétrica e de empresas de telecomunicações, além de tubulações de água.

Para a execução desse serviço, será necessária a interdição total do trevo de acesso à Rua Marajó. A Secretaria de Infraestrutura Urbana de Joinville (Seinfra), fez o planejamento para que a obra ocorra entre os dias 2 e 7 de janeiro, período no qual, historicamente, há menor movimento nas ruas do município.

“Organizamos os serviços anteriores, como implantação de caixas e preparação de esperas de água para garantir que nesses dias a gente possa fazer a escavação no local e fazer a travessia das redes. Todos os envolvidos na obra farão uma força-tarefa integrada em busca de maior agilidade. No local, será feita, por exemplo, a conexão da fiação da rede elétrica que vai continuar na Rua Marajó”, detalha a engenheira da Seinfra, Karine Miranda, responsável pelo acompanhamento e fiscalização da obra.

As caixas de concreto foram produzidas antecipadamente. “Esse procedimento faz com que a gente agilize o processo e execução das travessias, fazendo apenas as interligações das redes nas caixas pré moldadas”, informa a engenheira.

Especificamente no trevo de acesso à Rua Marajó, a caixa mede 4 metros de largura por dois metros de comprimento. Vai ser necessária uma escavação de 3 metros de profundidade.

Alteração no trânsito

Além de executar a obra em um período com menor movimentação de veículos, a Prefeitura de Joinville também fez um planejamento de alteração temporária no trânsito. Isso será necessário pois o trevo da Rua Marajó estará totalmente interditado.

Desta forma, os motoristas que estiverem seguindo no sentido Centro/BR-101, deverão acessar a rua Borba Gato e seguir até a Rua Otto Parucker (mais conhecida como Marquês de Olinda). Ali eles poderão escolher se seguirão para a Zona Norte, continuar na Marquês de Olinda para o sentido Sul ou para acessar a continuação da Ottokar Doerffel, sentido BR-101.

Vale reforçar que a Rua Ottokar Doerffel, entre a rua Coronel Santiago e a Marquês de Olinda, além das ruas Marajó e Caçador terão apenas o trânsito local, ou seja, para quem vai acessar residências, comércios ou veículos de passeio que vão até a rodoviária no período.

Para quem estiver no sentido BR-101/Centro, vindo pela Rua Ottokar Doerffel, não haverá mudança. Os motoristas continuam virando à direita, no semáforo da Marquês de Olinda.

Transporte Coletivo

Nove linhas do transporte coletivo terão alteração temporária no trajeto. Nestes dias, os ônibus das linhas São Marcos (1602); Willy Tilp via São Marcos (1603); Willy Tilp e Copacabana via Rodoviária (7015) que forem do Centro para os bairros, passarão em frente a rodoviária normalmente, porém, seguirão pela Rua Paraíba até a Rua Max Heiden. No caso da linha Copacabana via Rodoviária, ela continua em direção à Rua Copacabana. Já as outras três, vão acessar a Rua Independência e retornar à Rua Ottokar Doerffel. O retorno do bairro para o Centro não sofre alteração.

As linhas Morro do Meio/Centro via Ottokar Doerffel e Circular Ottokar Doerffel, vão passar pelas ruas Desembargador Nelson N. Guimarães, Oscar Antônio Schneider, Borba Gato, Otto Parucker (Marquês de Olinda) e continuam na Ottokar Doerffel.

As linhas Rodoviária via centrinho e Rodoviária via Otto Boehm terão o itinerário passando pelas ruas Desembargador Nelson N. Guimarães, Oscar Antônio Schneider e Borba Gato.

E por fim, a Linha Sul/Rodoviária (7025) no sentido Centro/bairro, transitará pelas ruas Paraíba, Henrique Dias e Max Heiden.

A orientação é que os usuários do transporte coletivo utilizem o site onibus.info para ter acesso às informações detalhadas de itinerário, além dos horários de deslocamento dos ônibus. Em caso de chuva, pode ocorrer ampliação no tempo da obra.

Receba notícias em seu celular pelo grupo de WhatsApp do jornal Folha Metropolitana Curta nossa página do Facebook e siga-nos no Instagram

Folha Metropolitana

A diferença entre a literatura e o jornalismo é que o jornalismo é ilegível e a literatura não é lida… Oscar Wilde

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *