Pronunciamento do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Júlio Garcia.