FOLHA METROPOLITANA Jornal diário de Joinville e Araquari

Quem SomosAnuncieContato /     Publicações Legais

   jornalismo@folhametropolitana.com

Prefeitura formaliza assinatura de contratos de transferência de área para a ArcelorMittal

Na manhã desta quinta-feira, 16, os representantes da ArcelorMittal participaram da assinatura dos contratos de transferência das onze áreas onde está instalado o parque industrial em São Francisco do Sul. Agora, o contrato segue para registro e emissão de escritura pública.

O processo de liberação da documentação demorou mais de duas décadas para ficar pronto e foi concluído após a atuação da atual gestão municipal. Primeiro foi necessário fazer o registro das desapropriações, posteriormente foi realizada a desafetação, em seguida o município realizou a adequação do cadastro do imóvel para área urbana e, por último, a etapa final, que consistiu na assinatura do contrato de transferência para a ArcelorMittal.

Apesar do longo processo, o êxito na transferência das áreas foi registrado pelo prefeito Godofredo Gomes Moreira Filho, ressaltando que o trabalho realizado pelo município foi “o mínimo que podemos fazer como reconhecimento diante do valor da empresa e da contribuição que a ArcelorMittal tem prestado para nossa cidade ao longo desses anos”, frisou o chefe do executivo municipal.

O esforço do município em concluir o processo de transferência das áreas também foi reconhecido pelo Diretor da ArcelorMittal em Santa Catarina, Sandro Sambaqui. Ele agradeceu o empenho em nome da empresa.

Confeccionado pelo Cartório Carvalho, as escrituras englobam uma área de aproximadamente 300 mil m². Os trâmites seguem agora para o registro de imóveis com a inclusão da ArcelorMittal como proprietária das áreas.

Sobre a ArcelorMittal

A ArcelorMittal iniciou suas operações em São Francisco do Sul em 2003, fruto de um investimento inicial de US$ 420 milhões. Em 2010, inaugurou a linha de Galvanização 2, com aporte de US$ 76 milhões. Já em 2015, investiu US$ 32 milhões em adequações na linha para diversificação do portfólio de produtos e aumento da capacidade.

Em 2021, iniciou a implementação do maior projeto de expansão de sua história, um investimento de R$ 1,9 bilhão, para a produção de uma nova linha de Galvanização e Recozimento Contínuo e investimentos na modernização de outras linhas. O novo sistema inicia as operações em breve. Dentro do seu condomínio industrial, a unidade emprega diretamente mais de 1.300 pessoas, entre empregados próprios e terceiros. Com a expansão, o volume de produção da unidade passará de 1,6 milhão de toneladas para 2,2 milhões de toneladas de aço anuais, abrindo novas oportunidades para os empregados e a comunidade.

A unidade de São Francisco do Sul está instalada estrategicamente próxima aos principais polos industriais, automobilísticos e metal-mecânicos do estado. A unidade ainda conta com a estrutura portuária de São Francisco do Sul, que permite a utilização de um sistema inovador de transporte marítimo de cabotagem, integrando por via marítima a unidade Vega da ArcelorMittal à unidade Tubarão, no Espírito Santo.

Receba notícias em seu celular pelo grupo de WhatsApp do jornal Folha Metropolitana Curta nossa página do Facebook e siga-nos no Instagram

Folha Metropolitana

A diferença entre a literatura e o jornalismo é que o jornalismo é ilegível e a literatura não é lida… Oscar Wilde

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *