FOLHA METROPOLITANA Jornal diário de Joinville e Araquari

Quem SomosAnuncieContato

   jornalismo@folhametropolitana.com

Prefeitura de Joinville ativa Gabinete de Crise para acompanhar condições climáticas

No início da tarde desta quarta-feira (4), a Prefeitura de Joinville instituiu o Gabinete de Crise para acompanhar as condições climáticas, considerando os efeitos da passagem de um ciclone por Santa Catarina, que provocou elevação no volume de chuva na região de Joinville.

A abertura da reunião foi realizada pelo prefeito Adriano Silva, de forma on-line. O prefeito está em Porto Alegre, onde participa do evento Booming South Summit Brasil, que estimula a promoção do ecossistema para instalação de startups. Na ocasião, Adriano informou a instalação do Gabinete de Crise e comunicou a antecipação do seu retorno para Joinville, ainda no dia de hoje.

O trabalho foi conduzido pela vice-prefeita Rejane Gambin e contou com representantes da Defesa Civil, Corpo de Bombeiros Voluntários, Polícia Militar e 62º Batalhão de Infantaria, além das secretarias municipais de Proteção Civil e Segurança Pública, Governo, Saúde, Assistência Social, Educação, Esportes, Infraestrutura Urbana e Comunicação.

“Estamos em estado de atenção e com todas as equipes de prontidão para oferecer um tempo de resposta adequado. Por enquanto, não tivemos casos graves, mas estamos preparados para agir, caso necessário”, destacou Rejane.

Por meio do acompanhamento das imagens de satélite, o grupo observou as projeções para os efeitos do ciclone, que passa pela região Sul de Santa Catarina, mas que provocou deslocamento de nuvens para Joinville.

A maior parte dos pontos de alagamento que foram registrados em função do grande volume de chuva por volta do meio dia já tiveram a água escoada. Por uma questão de precaução, o estado de atenção será mantido nos próximos dias.

Folha

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.