FOLHA METROPOLITANA Jornal diário de Joinville e Araquari

Quem SomosAnuncieContato

   jornalismo@folhametropolitana.com

Prefeitura de Guaramirim garante o pagamento do piso para professores

Está em tramitação na Câmara de Vereadores de Guaramirim o projeto de lei que prevê o pagamento do piso nacional do magistério aos professores da rede municipal. O projeto foi elaborado pelo executivo municipal e encaminhado à Câmara pelo prefeito do município, professor Luis Antonio Chiodini, que destacou a importância da medida.

“Nossa política de valorização do magistério é forte! Além de pagarmos o piso nacional do magistério aos professores, estes ainda recebem outras vantagens sobre o salário como regência de classe, adicional de pós-graduação, triênio, horas de curso e vale alimentação”, afirmou o prefeito.

Com o reajuste, o valor se adequa ao novo piso salarial nacional dos profissionais do magistério da educação básica pública, de R$ 3.845,63. A decisão foi tomada a partir da publicação da Portaria 67/2022, de fevereiro deste ano. Além da valorização salarial, os profissionais da educação também participam de cursos para evoluir em sua prática pedagógica.

Segundo a Secretária Municipal de Educação, a valorização dos profissionais está prevista na Meta 17 do Plano Municipal de Educação. “Temos levado muito a sério nosso compromisso com a educação, investindo na melhoria das estruturas das nossas escolas e creches, construindo novas unidades, instalando equipamentos tecnológicos, construindo quadras esportivas, adquirindo materiais didáticos e investindo em cursos de qualidade para nossa equipe” declarou Cláudia Chiodini.

Guaramirim é o primeiro município da Associação dos Municípios do Vale do Itapocu (Amvali) a instituir o piso para os professores.

Folha

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.