FOLHA METROPOLITANA Jornal diário de Joinville e Araquari

Quem SomosAnuncieContato /     Publicações Legais

   jornalismo@folhametropolitana.com

Polícia Militar recupera camionete roubada em perseguição na BR-101, em Garuva

Na madrugada desta quinta-feira, 23, por volta das 03h38, uma ação rápida da polícia resultou na recuperação de uma camionete roubada na BR-101, próximo à cidade de Garuva. A guarnição policial, durante patrulhamento na rodovia, avistou uma camionete prata em alta velocidade no sentido Garuva/Paraná.

Os policiais tentaram abordar o veículo nas proximidades do pedágio, mas o motorista não obedeceu às ordens de parada e acelerou, iniciando uma fuga perigosa. Durante a perseguição, o condutor da camionete forçou uma ultrapassagem arriscada entre dois veículos a mais de 150 km/h, quase causando um grave acidente entre um caminhão e um carro de passeio.

Com a camionete fora de vista, a guarnição solicitou apoio via rádio e continuou a busca até a PRF do alto da Serra, no estado do Paraná, onde não localizaram o veículo. Persistentes, os policiais retornaram ao percurso inicial, desta vez com o apoio da PRF, e finalmente encontraram a camionete abandonada ao lado de uma borracharia.

Testemunhas relataram que dois homens deixaram o veículo e foram resgatados por um Corsa Hatch antigo, de cor prata. A camionete, uma Toyota Hilux cinza registrada em Macapá/AP, estava com uma batida no para-choque dianteiro direito e com as portas abertas. Após uma inspeção mais detalhada, foi constatado que as placas de identificação estavam trocadas. O veículo tinha um registro de furto/roubo em Joinville.

A camionete foi então levada para a Delegacia de Polícia em Garuva para os procedimentos legais e investigação. A polícia segue em busca dos suspeitos que estavam no veículo.

Receba notícias em seu celular pelo grupo de WhatsApp do jornal Folha Metropolitana Curta nossa página do Facebook e siga-nos no Instagram

Folha Metropolitana

A diferença entre a literatura e o jornalismo é que o jornalismo é ilegível e a literatura não é lida… Oscar Wilde

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *