Matriz de risco atualizada mostra oito regiões em nível alto e oito, em grave