Mais da metade das cidades catarinenses não registrou nenhum homicídio em 2020